Dicas importantes para que o banho do seu bebê seja perfeito - Clínica Mon Petit
pediatria, bebês, clínica pediátrica porto alegre, pediatria, neonatal, parto, acompanhamento de parto
16435
post-template-default,single,single-post,postid-16435,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-title-hidden,qode-theme-ver-14.1,qode-theme-bridge,disabled_footer_top,wpb-js-composer js-comp-ver-5.5.2,vc_responsive

Dicas importantes para que o banho do seu bebê seja perfeito

Apesar de aparentemente simples, o banho dos bebês apavora muitas mamães e papais, pois devem ser observados alguns cuidados. Por isso, compartilhamos  com vocês algumas dicas para tornar esse momento ainda mais gostoso:

– antes de colocar o bebê na água, limpe bem seu bumbum para não levar sujeira para dentro da banheira, criando um foco de infecção;

– concentre-se totalmente no banho, inclusive preparando antes tudo o que precisará (roupas, fraldas, pomadas etc) pois jamais, sequer por segundos, deve-se deixar um bebê sozinho na banheira;

– o banho deve ser diário, em banheiras ou bacias, com água na temperatura entre 35 e 36 graus. Nunca encha a banheira com o bebê dentro, pois a temperatura da água pode mudar rapidamente;

-lave antes a cabeça, pois é a parte que mais acumula sujeira, depois passe para o corpo, incluindo as dobrinhas;

– quanto aos produtos indicados, recomendamos sabonete líquido para bebê, suave ou neutro, da cabeça aos pés;

-prestar muita atenção nas parte íntimas dos bebês, pois apesar de delicadas, precisam ser muito bem limpas para que não ocorram processos inflamatórios locais;

-indicamos a banheira/bacia com cerca de 13 cm de água para bebês até 6 meses (mais ou menos oito dedos), ou o suficiente para acomodar o bebê com água até os ombros. Se o bebê não ficar coberto o suficiente, sentirá frio. Caso o bebê já sente, a água não deve ultrapassar a linha da cintura (quando sentado).

O mais bacana é transformar esse momento em algo bem além da higiene, mas que seja também um momento de relaxamento, entrosamento e troca de afetos entre o bebê e quem dá o banho.