Crianças e o coronavírus - Clínica Mon Petit
pediatria, bebês, clínica pediátrica porto alegre, pediatria, neonatal, parto, acompanhamento de parto
16627
post-template-default,single,single-post,postid-16627,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-title-hidden,qode-theme-ver-14.1,qode-theme-bridge,disabled_footer_top,wpb-js-composer js-comp-ver-5.5.2,vc_responsive

Crianças e o coronavírus

O número de pessoas com menos de 18 anos afetadas pelo coronavírus é muito pequeno. Apesar disso, cientistas ainda não conseguiram concluir se isso deve-se ao sistema imunológico mais forte das pessoas mais jovens. Por isso, é muito importante que as crianças e adolescentes também sigam as medidas de prevenção recomendadas para as infecções respiratórias, que são:

*Lavar frequentemente as mãos com água e sabonete por pelo menos 20 segundos, especialmente após espirrar ou tossir. Se não houver água e sabonete, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool.
*Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;
*Evitar contato próximo com pessoas doentes;
*Ficar em casa quando estiver doente;
*Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;
*Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com freqüência;
*Não compartilhar objetos de uso pessoal, como talheres, pratos, copos ou garrafas;
*Manter os ambientes bem ventilados.

Fontes: Sociedade Brasileira de Infectologia e Ministério da Saúde

Lembrem-se de que esses cuidados são básicos para evitar a transmissão de qualquer infecção respiratória aguda, por isso devem ser mantidos como hábito para todos.