As doenças de outono - Clínica Mon Petit
pediatria, bebês, clínica pediátrica porto alegre, pediatria, neonatal, parto, acompanhamento de parto
16514
post-template-default,single,single-post,postid-16514,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-title-hidden,qode-theme-ver-14.1,qode-theme-bridge,disabled_footer_top,wpb-js-composer js-comp-ver-5.5.2,vc_responsive

As doenças de outono

Terminada a temporada mais quente do ano é época de saudarmos a nova estação que, junto às lindas paisagens, exige maiores cuidados dos pais por causa das grandes variações de temperatura, clima mais seco e poluição do ar.

Essa combinação, encontrada no outono, aumenta a incidência das doenças respiratórias nas crianças, tanto inflamatórias como alérgicas, porque vírus e bactérias se proliferam com maior rapidez, ocasionando aqueles maus tão conhecidos pelos pais, como resfriados (infecção viral mais leve do que a gripe), gripe, bronquiolite (inflamação dos brônquios), pneumonia e rinite.

Como o ideal sempre é prevenir, há uma série de orientações para amenizar essas doenças tradicionais. A vacina contra a gripe, por exemplo, é recomendada para crianças de seis meses a cinco anos. Confira outras indicações das nossas pediatras para fazermos do outono uma estação mais tranquila:

• Manter a casa livre de poeira;
• Sempre lavar bem as mãos de todos na casa;
• Evitar a automedicação;
• Oferecer uma alimentação equilibrada e variada à criança;
• Manter as crianças hidratadas.

Adicionalmente, lembre-se de que as doenças são necessárias para a formação do sistema imunológico, então é normal que as crianças adoeçam, por isso mantenha a calma. E outra orientação muito importante é a de manter seus filhos longe do pronto-socorro, porque além de serem lugares de emergências, podem transmitir algo ainda pior para as crianças. Por isso, ao primeiro sinal, consulte o pediatra.